Curso de Índigo Biofeedback

Sistema INDIGO Biofeedback funciona de múltiplas formas, ele pode enviar sinais para medir e registar reacções electro-fiológicas a muitos itens, re-educar determinados músculos, nervos, ou órgãos ou pode fazer com que determinadas áreas do corpo e da mente sejam treinadas para padrões mais saudáveis.

Em outros casos, ele pode inverter certos sinais que parecem estar estreitamente associados a um padrão de stress.

Conteúdo do Curso

A investigação demonstra que o biofeedback, isoladamente ou em combinação com outras terapias comportamentais é eficaz no tratamento de uma série de distúrbios médicos e psicológicos. O biofeedback é usado actualmente por médicos, enfermeiros, psicólogos, terapeutas de aconselhamento, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais bem como por muitos outros profissionais e leigos Muito poucos tipos de terapias sejam elas cura com as mãos, médicas ou de saúde mental permitem que o terapeuta veja exactamente como é que os seus clientes estão a responder, momento a momento, à intervenção. O Sistema INDIGO Biofeedback calcula, na verdade, uma percentagem de alterações, dando um valor de rectificação, depois da conclusão cada programa de redução de stress. Este é um benefício muito importante para os técnicos.

O programa pode permitir uma focalização incrivelmente profunda, sendo ao mesmo tempo excepcionalmente fácil de utilizar. Na grande maioria das vezes, quando o técnico abre um determinado painel de treino são evidenciados os programas de biofeedback mais adequados ao cliente, baseados nas suas respostas ao teste das reacções electro-fisiológicas (REF). As opções podem também ser feitas recorrendo ao auto-focus para determinar qual será o programa mais útil nessa tela.

Cada célula, elemento, órgão ou meridiano possui um padrão característico, único e indissociável: a sua frequência electromagnética. O equilíbrio electromagnético é associado a um estado saudável.

Quando se verificam alterações nessas frequências, as células ficam “esquecidas” da sua programação, passando a actuar de formas equívocas, logo, os padrões de saúde não têm sustentação ou “terreno” para se instalarem no organismo.

O INDIGO actua neste processo de re-equilíbrio, através do mecanismo natural da bio-ressonância, ajudando a reinstalar as frequências originais no organismo, permitindo às células retomarem o seu normal funcionamento, logo o seu estado saudável.

Este dispositivo foi desenvolvido durante mais de 20 anos de pesquisa no campo da bio-energia e bio-ressonância. Usado e testado em todo o mundo, o INDIGO é o mais rápido e mais poderoso de todos os dispositivos de bio-ressonância. A forma de funcionamento do INDIGO é análoga a um detector de vírus de computador. O INDIGO faz um varrimento (scan) energético de múltiplos parâmetros do cliente. A informação obtida é comparada com uma base de dados de cerca de 11.000 valores padrão identificando debilidades como exposição a vírus, deficiências nutricionais, alergias, bloqueios energéticos, desequilíbrios hormonais, sensibilidade a certos alimentos e ainda alterações emocionais. A informação obtida não corresponde a uma avaliação tradicional pois os valores resultam do cálculo Trivector de parâmetros eléctricos. O sistema INDIGO informa sobre os estados energéticos do cliente a nível físico, emocional, mental e espiritual É aceite, cada vez mais, que o stress favorece a emergência ou agravamento de algumas enfermidades e tem implicações no êxito profissional, académico e desportivo. Por essa razão, pelos seus custos directos e indirectos, encabeça as preocupações das organizações de saúde.

As causas dominantes de stress que identificamos são as seguintes:

Stress físico – Doenças crónicas e degenerativas, dor e fatiga. Distúrbios hormonais, digestivos, circulatórios, nervosos, musculares, da coluna vertebral, do sistema imunitário. Problemas causados por automedicação ou abuso de outro tipo de drogas, excesso de peso e alergias.

Stress mental – Preocupações monetárias, padrões repetitivos de pensamento, obsessões com pensamentos negativos, deficit de atenção, hiperactividade Stress social – Stress com relacionamentos, stress familiar, stress marital, stress paternal, stress orientado para crianças, preocupações sociais de adolescentes Stress emocional – Depressão, medo, ansiedade, amargura, cólera, tristeza, confusão, isolamento, abandono, doença ou instabilidade familiar Stress psicológico – Auto estima, crise de identidade, stress com a carreira ou opções de vida, stress resultante de comportamentos aditivos Stress político – Terrorismo, stress induzido pelos média, stress eleitoral e político, incerteza no futuro, stress associado à guerra Stress laboral – Stress com excesso de trabalho, redução de postos, promoções, competitividade, stress induzido pelos colegas e chefias Stress financeiro – Stress com liquidez, dívidas, créditos, mercado accionista, opções de reforma, estilos de vida dispendiosos Stress espiritual – Culpa, perdão, vergonha, moralidade, significado da vida, medo da morte• Stress ambiental – Poluição, pólens, toxinas, químicos, metais pesados, materiais de construção, materiais de decoração e acabamentos, electrodomésticos, electricidade, computadores, telefones celulares, energias geopáticas As terapias quânticas e a redução do stress permitem progressos significativos, surpreendentes e quantificáveis no incremento da qualidade de vida. Existem abordagens e protocolos de trabalho específicas para as mais variados situações, das quais destacamos as seguintes:

Ansiedade, insónia e fobias

Fadiga crónica, cansaço

Depressão e distúrbios emocionais

Dislexia

Memória e concentração

Deficit de atenção

Dores de cabeça e enxaquecas

Dores crónicas

Menopausa

Candidíase

Fibromialgia

Cancer (redução dos efeitos secundários da quimio e radioterapia) Toxicidade Alergias Reforço do Sistema Imunitário Degeneração Infecções agudas ou crónicas Problemas de pele Disfunções sexuais

Próximas Turmas
Turma I:Básico 18/09 à 21/09 das 09h às 17h
Turma II: Avançado: à definir das 09h às 17h
Ministrante:Filipa Pinto Cardoso
Investimento:1000 Euros (convertidos na data do pagamento)